17 de abril de 2024
Notícias

Alunos de Odontologia da Newton criam projeto social para pacientes em tratamento oncológico 

Sob a orientação da professora Maria Aparecida Melo Cunha, o estudante Amaral Lucas Assunção de Resende, do 5º período de Odontologia da Newton, desenvolveu no segundo semestre de 2023, junto com um grupo de outros alunos, um projeto social intitulado “Dentes de Leão”. 

O Projeto Dentes de Leão tem como principais objetivos e metas promover melhorias significativas na qualidade de vida dos pacientes em tratamento contra o câncer, especialmente crianças. 

Amaral revelou que um problema pessoal foi a sua grande motivação para a criação e o desenvolvimento do projeto. 

“A ideia do Dentes de Leão surgiu no primeiro semestre de 2023, durante um trabalho com a professora Maria Aparecida, e a execução começou no segundo semestre do mesmo ano. Minha experiência pessoal com tratamento oncológico durante a adolescência no Hospital da Baleia foi uma das motivações para iniciar o projeto por lá”, revelou. 

Algumas das principais atividades do projeto incluem a realização de ações lúdicas no setor de internação da pediatria, proporcionando um ambiente acolhedor e alegre para as crianças hospitalizadas.  

As atividades abrangem conversas com os pais sobre instruções de higiene bucal específicas para pacientes em tratamento oncológico, distribuição de livros, atividades lúdicas como adesivos e desenhos, e entrega de kits de escovação infantil. 

“Essas atividades não só têm o propósito de fornecer informações cruciais sobre higiene bucal, mas também de trazer alegria e distração para crianças enfrentando desafios durante o tratamento oncológico, promovendo assim o bem-estar dos pacientes e suas famílias”, acrescentou. 

Além de Amaral Lucas, o projeto tem como membros fundadores: Jane Samartini, Amanda Gomes, Dayane Beatriz e Giovana Carvalho. Outros alunos do curso de Odontologia que já participaram do Dentes de Leão em algum momento são: Rafaela Estevão, Lucas Ximenes, Beatriz Ribeiro, Leticia Reis e Helena Minelli.  

Orientadora do projeto, a professora Maria Aparecida Melo Cunha comentou como surgiu o projeto e sobre a importância de os alunos atuarem de forma voluntária durante a formação acadêmica. 

“Tudo nasceu de uma disciplina extensionista obrigatória do curso de Odontologia com o nome de Projeto Interdisciplinar I e II: Prática em Saúde Comunitária. A ideia da disciplina é exatamente mostrar aos estudantes as diferentes realidades vivenciadas por várias populações. E baseados nas necessidades da população alvo, planejar e desenvolver ações para a promoção da saúde bucal. Tudo isso, pensando na responsabilidade social que temos enquanto cidadãos”, disse.  

“A continuidade do projeto, mesmo depois do término das disciplinas, me enche de orgulho e me faz perceber que, romper os muros da faculdade para o aprendizado é a melhor forma de formarmos profissionais de saúde engajados com a realidade de tantas pessoas”, complementou.  

Como participar 

O projeto está com vagas abertas para outros estudantes de Odontologia que desejam participar de forma voluntária. Para se candidatar é necessário preencher o link a seguir: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSciKmisYSkUXIGoxmRDkGwmIw_phMEsaZOJPuuM8vQjcIhtuA/viewform 

Para acompanhar as ações do Dentes de Leão siga no Instagram: https://www.instagram.com/dentes_de_leao?igsh=NGNhY2JkcnNtM250&utm_source=qr 

A atuação do cirurgião dentista é fundamental no tratamento oncológico  

Sequelas bucais, como mucosite e xerostomia, são frequentes em pacientes em tratamento oncológico, decorrentes das terapias locais e sistêmicas. O cirurgião dentista desempenha um papel essencial na prevenção, diagnóstico e tratamento dessas condições, contribuindo para o bem-estar e qualidade de vida dos pacientes. 

Durante o tratamento oncológico, os pacientes podem enfrentar desconfortos que levam à interrupção da higiene oral, aumentando o risco de infecções. O cirurgião dentista desempenha um papel crucial na orientação e acompanhamento da higiene bucal dos pacientes, ajudando a minimizar esses riscos. 

As lesões bucais e os efeitos colaterais do tratamento oncológico podem afetar a capacidade do paciente de se alimentar adequadamente, levando a mudanças metabólicas e desnutrição. O cirurgião dentista pode contribuir para a manutenção da saúde bucal, auxiliando na preservação da qualidade de vida dos pacientes durante o tratamento. 

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments