25 de setembro de 2022
Carreira Cultura Notícias Tecnologia

O que fazem os programadores e porque eles são cada vez mais importantes

Por Italo Mendes

Vamos começar este texto com um exercício simples. Clique com botão direito do seu mouse em qualquer canto dessa tela e, depois, clique novamente em “Exibir código fonte da página”. Conseguiu entender algo ou ao menos teve curiosidade em entender? O “sim” pode ser um pequeno indício do seu interesse pela programação.

Essas letras, números e cores em um tipo estranho de organização, para quem vê pela primeira vez, são o que determinam as ações que acontecem nesta página, mas programar vai muito além disso. Podemos dizer que os programadores têm uma linguagem própria, que se aplicada faz com que os computadores executem precisamente o que eles pretendem, das ações mais simples aos programas mais complexos – o que divide a profissão em alguns setores que, na maioria das vezes, trabalham integrados:

Programador front-end ➡ diretamente ligado à experiência do usuário, esse é o profissional responsável por dar vida à interface de uma plataforma. Utilizando linguagens como HTML, CSS, JAVAScript e outras ferramentas, eles estruturam um layout, dentro de uma proposta de design estabelecida, visando a boa usabilidade da página. Se um site que você acessa é funcional, ágil e interativo, ele certamente contou com um bom desenvolvedor front-end.

Programador back-end ➡ ligado aos bastidores de um site, software ou aplicativo, o programador back-end é o encarregado do planejamento, organização e implementação da segurança, banco de dados e scripts para realizar com sucesso as funções propostas por essas plataformas. Entre as linguagens utilizadas estão PHP, Python, C#, Ruby on Rails, CSS e diversas outras.

Para dar um bom exemplo, citamos os sites ou aplicativos e-commerce. Explicando resumidamente, o front-end estabelecerá o layout, fazendo com que diversos produtos sejam integrados com organização em suas devidas categorias. O back-end integrará as compras ao servidor do vendedor, arquitetando um fluxo operacional de dados. O profissional que faz essas duas funções ao mesmo tempo é conhecido como fullstack.

Por que dizem que a programação é a profissão do futuro?

Já virou lugar-comum ressaltar a relevância da profissão de programação como algo fundamental para o futuro. O mais provável é que a afirmação tenha ficado tão popular porque é, realmente, um fato. Vamos dar algumas justificativas para confirmar a afirmação:

Internet das Coisas ➡ assim como descrito acima, também é óbvio e assertivo dizer que o mundo está cada vez mais conectado. Internet das Coisas, por exemplo, é o termo utilizado para a evolução da tecnologia que busca conectar à internet diversos itens que utilizamos no nosso dia a dia, como eletrodomésticos, iluminação, fechaduras inteligentes, automóveis etc. Para o desenvolvimento desses sistemas é necessário profissionais cada vez mais criativos.

Algoritmos cada vez mais complexos ➡ a maior referência para falar sobre essa evolução dos algoritmos são as redes sociais. O Instagram, Facebook, LinkedIn, Tik Tok, e muitas outras, podem ter grandes diferenças entre elas, mas também têm algo importante em comum. Todas elas utilizam algoritmos muito bem desenvolvidos para interpretar as preferências dos seus usuários e recomendar conteúdos, anúncios e outras sugestões que estejam de acordo com os seus interesses. Você também pode associar essas definições com as sugestões de filmes e séries que o seu serviço de streaming de cinema lhe sugere diariamente. Os algoritmos são a base dos trabalhos dos programadores e estão personalizando cada vez mais o mundo online para os usuários. Com essas demandas cada vez mais urgentes para aprimoramento do uso dessa inteligência artificial, o setor de programação segue impulsionado.

Demanda crescente junta ao mercado ➡ à medida que outros setores avançam para obter mais tecnologia, a procura para programação cresce junto. E não são poucas áreas. Basta analisar o quanto o setor da educação se modificou nos últimos anos, implementando diversas modalidades de cursos a distância ou o setor de transporte, que com os aplicativos contribuiu diretamente para a modalidade nas cidades.

Com tudo que foi descrito, é importante salientar que, apesar de ser uma área com alta demanda de profissionais, o mercado não é fácil. Pelas suas características intrínsecas de alinhamento às demandas, quem deseja se tornar um bom programador deve ser um estudioso assíduo. Além de se atualizar constantemente sobre as novas possibilidades da programação, é fundamental conhecer a base de todos os setores para os quais vai desenvolver.

Se você está convencido a aceitar este desafio, a Newton está preparada para guiar você. Conheça a nossa graduação em Ciência da Computação e embarque num futuro promissor para a sua carreira, atuando diretamente na transformação do mundo. Clique na sua modalidade de interesse: Presencial / Flex

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments