25 de setembro de 2022
Cultura Notícias

Revista Rolling Stones atualiza a lista das 500 melhores músicas do mundo após 17 anos

Por Fernanda Nazaré 

Mais de 250 artistas, escritores e colaboradores da indústria musical foram selecionados para ajudar a publicação especializada em música mais famosa do mundo, a revista Rolling Stones, a reeditar a lista das 500 melhores músicas do planeta, publicada pela última vez há 17 anos. 

Em quase duas décadas, o mundo girou muito e teve muito “plot twist” na história: pandemia, a ascensão da extrema direta na política, a queda da música pop adolescente e os crescentes movimentos de conscientização por igualdade com a população negra, mulheres e LGBTQIA+.  

Num contexto bem diferente de vida, foram escolhidas músicas em categorias como “históricas favoritas”, “hinos que mudaram o mundo” e “novos clássicos”, por exemplo. E, claro, a mudança do tempo e de mentalidade já se mostra no topo da lista. A canção vencedora da edição de 2004 era Like a Rolling Stone, de Bob Dylan. A nova edição, publicada em setembro passado, colocou no pódio a música Respect, de Aretha Franklin.  

R.E.S.P.E.C.T.  

Sim, a música interpretada pela poderosa Aretha soletra a palavra “respeito” para deixar a mensagem clara. Uma cantora negra, na década de 1960, num país onde começa a levantar a luta contra o racismo e a exploração da mulher, Aretha Fraklin berra em seus agudos por respeito, por ela, por sua classe, por sua raça e por todos que se identificam com a letra, se reconhecendo na voz dessa americana que ousou em “gritar” por muitos oprimidos nos Estados Unidos, na época. 

O que muitos não sabem é que a letra não foi escrita por ela, mas com toda certeza foi ressignificada.  Originalmente, a letra foi escrita por um homem, Otis Redding, em 1965, em que ELE (sim, está em caixa alta para frisar que um homem escreveu a letra) pede respeito às mulheres. Isso numa época em que mulheres ainda eram ensinadas a serem donas de casa para atenderem aos desejos do marido, serem procriadoras e submissas. Mas parece que o jogou virou, não é mesmo?  

Em 1967, a Rainha do Soul, Aretha, regravou a canção com todo o poder de sua voz. E hoje, em 2021, o grito por respeito ainda se faz necessário e a canção continua mais atual do que nunca, principalmente após o movimento “Black Lives Matters” (Vidas negras importam). Em 2013, o policial George Zimmerman foi absolvido pela morte a tiros “por engano” do adolescente afro-americano Trayvon Martin, nos EUA. Então, o uso da da hashtag #BlackLivesMatter bombou nas mídias sociais

Confira o top 10 eleito pela revista: 

LISTA DE 2021 

1. Respect, de Aretha Franklin. 

2. Fight the Power, do Public Enemy. 

3. A Change Is Gonna Come, de Sam Cooke. 

4. Like a Rolling Stone, de Bob Dylan. 

5. Smells Like Teen Spirit, do Nirvana. 

6. What’s Going On, de Marvin Gaye. 

7. Strawberry Fields Forever, dos The Beatles. 

8. Get Ur Freak On, de Missy Elliott. 

9. Dreams, do Fleetwood Mac.

10. Hey Ya!, do Outkast. 

Para você, qual seria a música número 1 do mundo agora? Continue acompanhando o blog da Newton para ficar por dentro também das novidades do entretenimento e da cultura do momento.  

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments